E3 2013: Vimos o Killzone Shadow Fall

O game é com certeza o melhor Killzone de todos os tempos!

Em uma apresentação fechada, a Sony junto com os responsáveis pela desenvolvedora Guerrilla apresentaram para a imprensa uma fase inédita do tão esperado título Killzone Shadow Fall, para o PS4.

killzone shadow fall

O jogo é com certeza um dos mais esperados pelos fãs da franquia Killzone, que acompanha os consoles da Sony desde o Playstation 2. Killzone Shadow Fall inicia sua história 30 após o final de Killzone 3, com uma situação que pode desequilibrar a paz entre dois povos, os Vektans e o Helgasts, que vivem lado-a-lado por mais de três décadas. Com isso, o personagem principal do game, Lucas Kellan, um membro da equipe Shadow Marshals, entra em cena para impedir que os dois povos entrem em conflito. Ele será testado em todas as situações, inclusive na sua adaptabilidade as mais diversas situações, muitas delas extremas, para poder sobreviver.

Como um título exclusivo para o PS4, a equipe de desenvolvimento da Guerrilla não poupou esforços para fazer com que Killzone Shadow Fall seja a melhor versão da franquia de todos os tempos. Com a mudança do processador Cell fpresente no PS3 para o Jaguar da AMD para o PS4, o time de desenvolvimento teve que adaptar a engine atual e realizar as atualizações necessárias para que o jogo pudesse ser desenvolvido explorando toda a capacidade de processamento da CPU do PS4.

Todo esse esforço foi notado no decorrer da apresentação, onde foi possível perceber a ausência de pixels estourado, queda da quantidade de quadros por segundo (ou frame rate) em cenas com muitos soldados ou mesmo no desenvolvimento dos cenários. A textura, os detalhes de sombra, a estrutura dos personagens e armas e todo o conjunto gráfico são fantásticos, e geram uma experiência sem igual.

Killzone Shadow Fall trás uma jogabilidade semelhante ao jogo anterior, com a inclusão de novas armas, como um sensor capaz de varrer uma área determinada e registrar os inimigos ao redor, assim como um tipo de Drone, ou robô voador auxiliar, que acompanha o jogador nas missões. Esse pequeno “ajudante” é capaz de disparar descargas de energia capazes de tontear os inimigos, feri-los e até criar um campo de força para o seu “protegido”, de forma que o jogador consiga um tempo para mirar e derrubar uma quantidade maior de inimigos, ou mesmo se recuperar de uma quantidade grande de danos.

Outro item importante que foi aprimorado em Killzone Shadow Fall foi a mira, que teve os detalhes gráficos, precisão e alcance melhoras e desenvolvidos de forma a serem ainda mais precisos. O jogador ainda conta com ataques corpo-a-corpo diferenciados, quando estiver próximos de inimigos. O game contará também com a funcionalidade de Remote Play, que mesmo sem muitos detalhes ainda dessa característica para o game, será possível jogá-lo através do PS Vita.

Na opinião do Mochileiro Digital, esse jogo é essencial para qualquer dono do novo PS4. Não há como não ficar impressionado com a qualidade do jogo, principalmente nos combates e nas animações criadas e processadas pela nova engine, onde quase não se percebe a existência de CGIs (ou imagens geradas por computador, ou ainda, os “filminhos” produzidos por computador e incluídos nos jogos).

A previsão do lançamento de Killzone Shadown Fall é a mesma que a do PS4, e a produtora Guerrilla está empenhada em garantir que o game saia junto com o novo console.

Acompanhe o Mochileiro Digital para saber mais novidades sobre Killzone Shadow Fall e o PS4

Deixe uma Resposta

  • (não será publicado)

XHTML: Você pode usar estas tags: <a href="" title=""> <abbr title=""> <acronym title=""> <b> <blockquote cite=""> <cite> <code> <del datetime=""> <em> <i> <q cite=""> <s> <strike> <strong>

© 2017 Mochileiro Digital.

Compartilhe: