BF3 Premium traz muitos benefícios

Para quem é fã de Battlefield, a EA lançou recentemente o serviço Premium, uma expansão que adiciona diversos benefícios para o jogador. Entenda mais sobre ele e veja como vale a pena!

Todo mundo já conhece a força da série Battlefield para o mundo dos games, principalmente para a área dos tiros em primeira pessoa (FPS). O último produto, o Battlefield 3, chegou com impacto nos consoles e PC por conta dos belos gráficos.

BF, como é popularmente abreviado, é marcado pelo ótimo multiplayer. Mapas gigantes, servidores lotados de usuários e a possibilidade de interação com veículos, aviões, tanques, helicópteros, barcos… Tudo fica mais real, simulando uma guerra.

Voltando a falar exclusivamente de Battlefield 3, o jogo para PS3, Xbox 360 e PC brigou de igual para igual com o eterno concorrente Call of Duty. Nem mesmo o lançamento de Modern Warfare 3 abalou a franquia, que respondeu com o lançamento de expansões para incrementar o game.

Recentemente, a Eletronic Arts, em parceria com as outras empresas produtoras da série, anunciou uma grande novidade: o serviço Premium. Com ele, o usuário se tornaria um membro “de elite” do jogo, ganhando alguns mimos e acréscimos valiosos.

São 5 os pontos principais de bônus ao adquirir o serviço Premium. Todo o serviço tem um valor fixo de US$ 49,99, independente da plataforma. O preço é um pouco salgado, mas acompanhe abaixo um overview das features para entender que vale a pena

Todas as expansões

Só por essa característica, o serviço já vale a pena. Desde que foi lançado, Battlefield 3 já conta com as expansões Back to Karkand (que traz mapas clássicos dos antigos BFs) e Close Quarters (mapas fechados, rápidos). Cada uma custa hoje US$ 14,99.

A EA já anunciou que ainda este ano mais duas expansões estarão disponíveis: Armored Kill, em setembro, e Aftermath, em dezembro. Em março do ano que vem deve sair a quinta, chamada de End Game.

Aí entra a boa: para quem adquirir o Premium, todas as três já estão garantidas, de graça! Comprando todas as expansões isoladas, um jogador gastaria cerca de US$ 75.

Itens in-game

Para agradar o jogador e diferenciá-lo dos demais, o serviço traz alguns itens e características dentro do jogo. O mais significativo é a nova faca. O user Premium tem sua arma modificada para a ACB-90, uma faca diferente, quadrada.

O usuário também ganhará uma série de camuflagens (skins) para os seus soldados que foram desenhados apenas para o Premium.

Outro ponto são as dogtags. São várias medalhas exclusivas, de cor escura e escrito dourado, justamente para diferenciar o jogador que carrega a conta premiada.

Área de estatísticas

Muitos jogadores multiplayer adoram uma estatística. Saber quantos soldados matou, que região acertou, em qual arma é mais preciso, eficiência da mira…

São muitos os quesitos que estão presentes numa área fechada do Premium. Para quem não está satisfeito com seus números, o Battlefield permite o usuário Premium a zerar seus números.

Outros benefícios são prioridade na lista de espera de servidores e a possibilidade de salvar reports de jogos para sempre em sua conta.

Eventos e táticas

Para quem é usuário Premium, o Battlefield 3 promoverá de tempos em tempos eventos especiais para os associados. São pequenos campeonatos e dias onde o jogador poderá ganhar Double XP, ou seja, ter seus pontos de experiência duplicados ao final de cada confronto.

Outra parte legal são vídeos de táticas, explicando como jogar em alguns mapas e mostrando estratégias de guerra para o player.

Um conjunto que vale a pena

Pela listagem acima, Battlefield Premium vale muito a pena. A taxa pode ser cara (50 dólares não é pouca coisa), mas entenda que uma vez gasto esse dinheiro, você terá tudo isso à disposição, além de não precisar gastar com as futuras expansões.

Pense nisso, veja se vale o esforço e abra o bolso para garantir esse belo serviço!

Deixe uma Resposta

  • (não será publicado)

XHTML: Você pode usar estas tags: <a href="" title=""> <abbr title=""> <acronym title=""> <b> <blockquote cite=""> <cite> <code> <del datetime=""> <em> <i> <q cite=""> <s> <strike> <strong>

© 2017 Mochileiro Digital.

Compartilhe: